A Estratégia do diabo é a Intimidação

Nestes dias temos falado a respeito de fé, uma fé que vai nos capacitar para ver obras ainda maiores do que as que temos visto ao logo de todos os anos, mas o diabo vai tentar minar essa fé, e uma das estratégias que ele usa é a intimidação. O livro de Neemias tipifica a edificação da casa de Deus. Em Neemias aprendemos sobre as estratégias do diabo e como anulá-las. Existiam espíritos que procuravam resistir a obra de Deus naqueles dias e ainda hoje procuram resistir à edificação da igreja. Havia um home em Samaria, cujo o nome era Sambalate, que fez de tudo para desviar Neemias e todo o povo do propósito da construção do templo. Sambalate é um símbolo de satanás. O nome “satanás” significa adversário, ele é responsável por…

0 Comentários

Fé e Unção

Fe e unção.   1 Sm 10:6. Temos ministrado uma serie de mensagens sobre a fé, Domingo passado falamos a respeito de crer para andar em vitória, usamos Gideão como exemplo, falamos a respeito de unção, propósito e realização, falamos que a unção é para o propósito, Deus derrama unção para uma realização. Irmãos, quando recebemos um chamado, recebemos do senhor os talentos necessários para o cumprimento desse chamado, recebemos a unção de Deus para usarmos esses talentos, multiplica-los é cumprir o chamado do senhor para nós. A unção de Deus tem o propósito de nos mudar, transformar, equipar e capacitar. Ela tem a capacidade de transformar medo em ousadia, a timidez em coragem, a dúvida em convicção, a desqualificação em qualificação. Irmãos cada vez mais, estou convencido, que precisamos de uma mudança de…

0 Comentários

Crer para andar em vitória

Jz 6:13 Sexta iniciamos esse Jejum falando a respeito de “fé além do convencional”, usamos Gideão como exemplo, que ele se escondeu com medo dos midianitas, falamos também que uma das forças de satanás é tentar nos intimidar com medo e até mesmos nos mostrando nossas falhas. Como vimos, o senhor chamou Gideão para uma obra e frente a esse desafio Gideão deu uma resposta. Em Juízes 6:13, está escrito: “Responde-lhe Gideão: ai senhor meu.” Diante dessa resposta, podemos perceber que, inicialmente Gideão olhou somente para suas capacidades naturais, não estando totalmente convencido de sua capacidade em Deus e, por isso disse; “Ai”. Mesmo diante de tantas confirmações da parte de Deus a respeito de sua identidade, Gideão ainda tinha dúvidas quanto ao agir de Deus em sua vida. Então, em sua incredulidade,…

0 Comentários